12 de out. de 2020

A unidade no processo decisório

José Bernardo

Um dos maiores desafios da liderança cristã é tomar decisões inovadoras que sejam inteiramente absorvidas pelo ministério, sem resistências, objeções e contrariedades que atrasam o serviço e a produtividade. Líderes mundanos usam muitos artifícios para ‘vender’ sua decisão à equipe, mas Paulo, escrevendo aos filipenses propôs algo diferente: “... completem a minha alegria, tendo o mesmo modo de pensar, o mesmo amor, um só espírito e uma só atitude” Fp 2:2. Em muitas situações o apóstolo defendeu uma unidade orgânica, onde os conflitos e disputas estariam ausentes; nessa passagem foi a única vez que ele usou o termo gr. simpsicos, ‘juntos na alma’. Pense hoje em como os membros de sua igreja ou participantes de seu ministério podem chegar a avaliar, preferir, ser e agir em plena unidade. Pense no que fará para que tenham a mesma alma de modo que as decisões sejam unânimes.

#liderançacristã #liderançaevangélica #liderançabíblica

Nenhum comentário:

Postar um comentário

É bem vindo seu comentário que honre e exalte a santidade do Senhor.