5 de fev de 2017

Perseverar é preciso

05 de fevereiro

“Água mole em pedra dura
tanto bate até que fura.”

Este dito popular é atribuído a Ovídio, poeta romano, nascido em 43 aC e falecido cerca de 18 dC. Ele escreveu “a água que goteja perfura a pedra, não pela força, mas através da persistência”. Durante dois milênios a frase foi reescrita para se tornar mais sonora, até a forma atual. Na forma que conhecemos, o primeiro verso estabelece a característica da água e da pedra, o segundo verso mostra a insistência da água e o resultado na pedra. Para esse efeito, a persistência da água compensa sua moleza, já a dureza da rocha se torna inútil pela passividade. O propósito com que se usa esse dito é recomendar a persistência na ação. Mas em que ação? Devemos persistir em esperar ou em agir? Em economizar ou investir? Em perdoar ou em corrigir? Em esquecer ou em lembrar?

A Palavra de Deus
“Então Jesus contou aos seus discípulos uma parábola, para mostrar-lhes que eles deviam orar sempre e nunca desanimar” Lucas 18:1.

[V] Na Parábola da Viúva Persistente Jesus conta a história de uma mulher necessitada que insiste com um juiz iníquo para obter dele uma sentença para seu caso. O juiz finalmente a atende, apenas para se livrar da insistência da mulher. Jesus usa a história para dizer que Deus, verdadeiramente justo, não demorará a responder aos seus escolhidos quando clamam a ele. Então Jesus finaliza com uma pergunta retórica: “Contudo, quando o Filho do homem vier, encontrará fé na terra?” Lucas 18:8.

[O] O objetivo de Jesus é ensinar em que se deve insistir. Mais do que o verso de abertura, a pergunta na conclusão aponta que a persistência em crer em Deus, confiar em sua justiça e amor, deve ser o objeto da persistência dos crentes. A oração será a atividade naturalmente resultante dessa fé que deve permanecer firme até quando o Filho do homem, Jesus, voltar.


[S] Ninguém duvida do valor da persistência. É uma virtude inquestionável. Contudo, você já pensou quanto mal resulta de persistir no erro? Precisamos persistir sim, mas em fazer a coisa certa, em crer na ação justa e amorosa de Deus e por isso orar. Comece orando agora para que Deus ajude você a identificar coisas em que você está insistindo, mas não pela fé. Ore também para que Deus lhe dê forças para persistir no que é certo e bom, nas coisas que devemos fazer pela fé. Proponha-se a ajudar pessoas que estão desanimando e desistindo. Ajude-as a colocar a fé em Deus e ele as atenderá.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

É bem vindo seu comentário que honre e exalte a santidade do Senhor.