13 de set de 2014

Digno é o obreiro...


No sábado passado tive o privilégio de ordenar mais dois pastores com os quais caminhei desde o início. Preguei em 1Pedro 5:1-4, apontando elementos da autoridade, do exercício e da recompensa do ministério pastoral. Entre os elementos do exercício, está ‘não com ganância mas por paixão’. Obviamente o texto sugere o sustento pastoral, mas não como motivo do ministério.

Ao olhar para nossos obreiros na AMME, que lutam com dificuldade para obter o sustento afim de se dedicarem integralmente ao ministério, ao ver tantos outros de que precisamos, mas não acham o sustento necessário para que possam dedicarem-se, eu me sinto triste com uma igreja que confunde ganância do obreiro com o justo salário que deve receber quem se dedica integralmente a servir a Igreja.

A Igreja tem falhado gravemente em sustentar dignamente os obreiros que se dedicam a servi-la. Diante disso, ainda que gostaria de que a igreja cumprisse sua parte, meu desejo é poder estabelecer algumas atividades econômicas na Base Missionária Cidade Forte para levantar o sustento necessário para termos os obreiros de que precisamos. Pensamos em ter a engorda de peixes, o plantio de ervas medicinais, a cozinha industrial e a hotelaria.

Sobre isso, Deus já manifestou sua vontade em Cristo: “pois o trabalhador merece o seu salário” Lucas 10:7. Como o próprio Senhor, eu não posso aceitar que um obreiro esforçado seja privado do sustento para sua alimentação, moradia, vestimenta, saúde, sustento de sua esposa e filhos etc. Quem se opõe a isso não pensa com o coração de Deus.
..........
Se você quer ser um Ceifeiro (intercessor/ mantenedor/ divulgador) da AMME evangelizar ligue (11) 4228 3222 ou envie um e-mail para ceifeiros@ammeevangelizar.org e um missionário da AMME ligará para você.
..........
Foto: Detalhe de Vincent Van Gogh - Harvesting Wheat in the Alpilles Valley

Nenhum comentário:

Postar um comentário

É bem vindo seu comentário que honre e exalte a santidade do Senhor.