20 de mar de 2014

Não eram de nós

Tempo de leitura: 2’20’
02 da série Cartão Vermelho


Continuando nossa série de reflexões sobre a saída de crentes das igrejas e a corrupção envolvida nesse trânsito, convido você a pensar no que disse João, o discípulo amado, sobre esse assunto: “Eles saíram do nosso meio, mas na realidade não eram dos nossos, pois, se fossem dos nossos, teriam permanecido conosco; o fato de terem saído mostra que nenhum deles era dos nossos.” 1Jo 2:19. Nessa passagem João apresenta os crentes que deixaram a Igreja como anticristos, isso é, adversários de Cristo, e explica que eles saíram porque não pertenciam à Igreja, não eram parte dela.


Para pertencer à Igreja é necessário que o membro esteja ajustado e unido a ela pelo auxílio de juntas ou ligamentos (Ef 4:19). Ao ensinar isso, o apóstolo Paulo retornou ao início do capítulo quando rogou aos crentes que vivesse de um modo compatível com o elevado chamado que haviam recebido. Lá ele explicou que se referia à unidade dos crentes e pediu a eles: “Façam todo o esforço para conservar a unidade do Espírito pelo vínculo da paz.” Efésios 4:3.

Paulo não achava que era algo fácil o que pedia aos crentes. Pelo contrário, demandava muito esforço para que fossem ‘completamente humildes e dóceis’ e ‘pacientes’, ‘suportando uns aos outros com amor’, para assim manterem a comunhão que o Espírito Santo produz na Igreja com o auxílio das juntas ou ligamentos de um bom relacionamento (vínculo da paz). Não querer se esforçar pela comunhão baseada nos bons relacionamentos é a causa de muitos crentes deixarem a igreja, o Corpo de Cristo. João diz que eles são anticristos, que não pertencem à igreja de fato e estão contra Cristo.

Se você não se sente ligado aos irmãos de sua Igreja pelos vínculos da paz, talvez não esteja fazendo todo o esforço necessário para ser completamente humilde, dócil, paciente e suportar aos seus irmãos em amor. Não invente desculpas, não tente racionalizar. Embora a Igreja de Cristo esteja em todo o mundo e em todas as épocas, ela consiste nos seus relacionamentos na igreja local. Se os seus relacionamentos estão enfraquecidos, você vai terminar saindo da igreja porque não pertence a ela, e se não está ligado a ela, também não está ligado a Cristo. Então, o que você está esperando? Procure os irmãos de sua igreja e faça todo o esforço para manter a unidade em um bom relacionamento com eles!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

É bem vindo seu comentário que honre e exalte a santidade do Senhor.